Trump é recebido com protestos em sua visita a Londres

Presidente americano se reuniu nesta sexta com a premier Theresa May e mais tarde irá encontrar a rainha Elizabeth.

0

Nesta sexta feira, dia 13 de julho, o presidente americano, Donald Trump, chegou ao Reino Unido em sua primeira visita oficial para tratar de diversos assuntos, principalmente ligados a economia e sobre o Brexit. Porém a sua chegada em solo britânico foi motivo de inúmeros protestos pelas ruas de Londres.

Os manifestantes estão usando inclusive um balão inflável gigante, onde Trump é representado como um bebê de fraldas e com um celular na mão. O balão possui seis metros, tem braços curtos, um topete e é totalmente laranja. Ele está inflado de frente para o parlamento britânico.

Além dos manifestantes típicos que são contra as políticas de Trump, há também inúmeras mulheres que participam de uma marcha conhecida como “Stop Trump”. Nesta marcha diversas mulheres levantam cartazes com pensamentos contra o sexismo. Até o momento pouco mais de 5 mil manifestantes estão concentrados na área principal de Londres, porém segundo organizadores a quantidade deve aumentar até o fim do dia.

Esta é a primeira visita oficial do presidente Donald, acompanhado de sua primeira-dama, Melania Trump. Eles chegaram em Londres na tarde de quinta feira (12 de julho), onde à noite jantaram com a premiê May e um grupo de empresários em Blenheim. O local da reunião é bem interessante, pois é o lar do primeiro ministro britânico Winston Churchill, que é uma das figuras mais admiradas pelo presidente americano.

Reuniões em locais estratégicos

O presidente e organizadores dos encontros já previam os protestos e por este motivo os eventos de toda a agenda de Trump pelo país, foram definidos em locais fora de Londres. Na manhã desta sexta, Trump se reuniu com a premiê britânica, Theresa May, na região de Chequers, dentro da própria casa de campo dela.

Nesta sexta, o presidente americano ainda irá se encontrar com a rainha Elizabeth II no castelo de Windsor e depois segue viagem para à Escócia com a finalidade de resolver alguns assuntos pessoais sobre seus empreendimentos da região.

O balão bebê de Trump

Balão polêmico de Trump foi autorizado a ser utilizado nos protestos pelo prefeito de Londres, Sadiq Khan. Ele deu uma entrevista a uma rádio local, onde citou que é preciso respeitar a liberdade de expressão, mesmo que alguém se sinta ofendido com ela.

Ele ainda falou sobre a rica história do Reino Unido com relação aos direitos de protesto, e que ele como prefeito da principal cidade do país não deve ser o árbitro do que é bom ou ruim durante as manifestações, desde que elas sejam pacíficas.

O prefeito que é de origem paquistanesa, em 2017 chegou a pedir à premiê May que os convites para receber Trump no Reino Unido fossem suspensos, por conta de atitudes do presidente no Twitter com relação a vídeos anti-islâmicos de um grupo britânico de estrema direita e também por conta de toda sua posição com relação aos muçulmanos nos EUA.

O pedido porém foi negado.

Entrevista de Trump ao The Sun

Trump prestou uma entrevista para um jornal britânico, o The Sun, onde se diz contra os planos de Theresa May para o Brexit, citando que as atitudes podem prejudicar o atual acordo de livre comércio entre os Estados Unidos e o Reino Unido. Na entrevista ele também acusou o prefeito de Londres, Sadiq Khan, de ter feito um péssimo trabalho contra o terrorismo no país, que acabaram resultando nos atentados de 2017.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.