Corpo de vítima do Dr Bumbum foi velado e enterrado em Cuiabá

Gerente de banco Lilian Calixto, morreu após procedimento estético nos glúteos.

0

O corpo da gerente de banco Lilian Calixto, de 46 anos, foi enterrado nesta última quarta-feira (18 de julho) na cidade de Cuiabá, onde também havia sido velada. Na ocasião o doutor culpado pelo caso não havia sido preso, porém na tarde desta última quinta-feira (19 de julho), a polícia conseguiu fazer a prisão do médico Denis Cesar Barros Furtado, que é conhecido nas redes sociais como Dr. Bumbum.

A gerente morreu no Rio de Janeiro, após realizar um procedimento estético nos glúteos. O enterro ocorreu às 10h30, no Cemitério Parque Bom Jesus de Cuiabá. Até então o médico e sua mãe eram considerados foragidos.

Lilian após o procedimento teve complicações e foi levada e socorrida pelo Hospital Barra D’Or, mas já em situação gravíssima, onde após algum tempo veio a entrar em óbito. Segundo informações de familiares o procedimento estético deveria ter sido realizado em Brasília, porém por conta de alguns contratempos do médico, a sessão foi transferida para o Rio de Janeiro, onde dentro de um apartamento o procedimento estético foi realizado.

Durante o velório da gerente, que ocorreu na terça-feira (17 de julho), o filho da vítima acabou se manifestando. Victor Calixto Gasques, com 24 anos, relatou que a família quer justiça no caso e que a sua mãe era o principal pilar da família. Ele ainda diz que toda a família está revoltada com o caso, que ninguém consegue aceitar essa tão grande perca, por conta de um erro médico.

Como está o caso?

O médico Denis Furtado e a sua mãe, Maria de Fátima Furtado, foram presos após uma denúncia anônima, na tarde desta última quinta-feira (19 de julho) no escritório do advogado, que está localizado na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.

Ambos estavam foragidos há quatro dias, mas o Disque Denúncia passou a oferecer uma recompensa de mil reais, para quem tivesse informações sobre os dois. Os investigadores do caso relataram que é preciso avaliar o depoimento deles, com os das testemunhas, para definir melhor o caso, porém eles já estão sendo indiciados por homicídio qualificado.

Denis e Maria Furtado foram presos próximos das 15 horas e acabaram prestando depoimento até o fim da noite. Na madrugada eles passaram a noite em salas separadas dentro da delegacia. Durante o período uma tia do médico esteve no local, mas preferiu não comentar sobre o caso.

Além da dupla, outras duas pessoas também estão envolvidas no caso, uma delas é a namorada Renata Fernandes Cirme, que já está presa e a outra é a técnica de enfermagem Rosilane Pereira da Silva.

O médico é muito popular nas redes sociais, principalmente no Instagram, no qual publica fotos de outros procedimentos já realizados. Em depoimento ele disse que o que ocorreu com a bancária foi uma fatalidade, pois já havia realizado mais de 9 mil outros procedimentos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.