Tempestade castiga gramado e obriga Conmebol a adiar 1ª decisão entre Boca x River

Jogo de ida da decisão da Libertadores 2018 foi adiada para este domingo (11)

Reprodução/ Fox Sports
0

O jogo de ida da decisão da Copa Libertadores 2018 está suspensa. As fortes tempestades que atingiram a cidade de Buenos Aires, capital da Argentina, na manhã deste sábado (10), castigaram o gramado da La Bombonera e obrigaram a Conmebol a adiar a realização da partida

Assim, o duelo de ida da decisão do principal torneio do futebol sul-americano entre Boca Juniors e River Plate acontecerá neste domingo (11), às 17h (horário de Brasília), na La Bombonera.

A capital argentina passou o dia sendo castigada por fortes chuvas. Um temporal pela manhã prejudicou o gramado do estádio do time Xeneize, mas o sistema de drenagem, inicialmente, deu conta de acabar com as poças d’água no campo e a realização da partida chegou a ser confirmada pela Conmebol.

No entanto, após às 16h, um novo temporal causou alagamentos em Buenos Aires, nos entornos do estádio prejudicando o acesso da torcida ao estádio e no gramado do campo do Boca Junior. Dessa forma, o campo ficou sem boas condições para a bola rolar e o delegado da partida, Fred Nantes,  decidiu pelo adiamento.

VEJA O ESTADO DO GRAMADO DA LA BOMBONERA:

O segundo confronto do superclássico entre Boca Juniors e River Plate está marcado para o sábado, dia 24 de novembro, às 18 horas (de Brasília), no estádio Monumental de Nuñez.

FICHA TÉCNICA
BOCA JUNIORS-ARG x RIVER PLATE-ARG

Local: La Bombonera, em Buenos Aires (Argentina)
Data: 10 de novembro de 2018 (Sábado)
Horário: 18h(de Brasília)
Árbitro: Roberto Tobar (Chile)
Assistentes: Christian Schiemann (Chile) e Claudio Ríos (Chile)

Provável escalação do Boca Juniors: Agustín Rossi; Leonardo Jara, Carlos Izquierdoz, Lisandro Magallán e Lucas Olaza; Nahtan Nández, Wilmar Barrios, Pablo Pérez, Cristian Pavón e Sebastián Villa; Ramón Ábila
Técnico: Guillermo Barrios Schelotto

Provável escalação do River Plate: Franco Armani; Gonzalo Montiel, Jonatan Maidana, Javier Pinola e Milton Casco; Ignácio Fernández, Enzo Pérez, Exequiel Palacios e Juan Quintero; Rafael Borré e Lucas Pratto
Técnico: Marcelo Gallardo

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.