O jogo virou: Solari obtém bons números como interino no Real Madrid; veja também outros dados sobre os merengues

Ele se tornou o terceiro treinador a não sofrer gols em seus três primeiros jogos

Foto: divulgação
0

O Real Madrid sob o comando de Julen Lopetegui ia de mal a pior, tanto que ele foi o primeiro treinador na história a ser demitido do clube com apenas 11 semanas de trabalho. Além disso, o começo dos merengues na La Liga foi o pior desde 2002. Mas, com Santiago Solari o jogo mudou: o técnico interino se tornou o terceiro comandante a não sofrer gols em seus três primeiros compromissos oficiais.

Antes dele, Ángel Berraondo em 1928 e Luis Carniglia em 1957 haviam conseguido o feito. A sequência de Solari conta com triunfos sobre o Melilla por 4 a 0 pela Copa do Rei (gols de Benzema, Asensio, Odriozola e Cristo Gonzalez), Valladolid por 2 a 0 (Vinicius Junior e Sergio Ramo) e Viktoria Plzen por 5 a 0 (Benzema, duas vezes, Casemiro, Bale e Kroos). Aliás, os merengues não venciam três partidas seguidas desde novembro de 2017. Claro que os adversários não são tão expressivos, mas com Lopetegui o Real Madrid tinha dificuldades contra rivais desse nível, tanto que perdeu para o Levante, em casa,  Alavés e CSKA, fora, por exemplo.

Vinicius Junior estreou na Liga dos Campeões
O brasileiro entrou aos 17 minutos do segundo tempo na vaga de Benzema e cinco minutos depois deu assistência para Toni Kroos marcar o quinto do time diante do Viktoria Plzen, fora de casa. O jovem estreou na Liga dos Campeões com a mesma idade de Iker Casillas, 18 anos e 118 dias. Na história do Real Madrid, somente José Rodríguez (17 anos e 354 dias) e Raúl (18 anos e 78 dias) debutaram na competição mais novos.

200 gols de Benzema pelo Real Madrid e 60 em competições europeias
O atacante francês chegou a marca ao marcar duas vezes contra os tchecos. Ele entrou em uma seleta lista de jogadores com 200+ gols pelo clube espanhol, ao lado de Di Stéfano, Puskás, Santillana, Hugo Sánchez, Raúl e Cristiano Ronaldo.

Ele também alcançou 60 tentos em competições europeias (em 112 jogos), sendo o oitavo dessa lista, atrás de: Cristiano Ronaldo (123), Lionel Messi (108), Raúl (76), Filippo Inzaghi (70), Gerd Muller (68), Andriy Shevchenko (67) e Ruud van Nistelrooy (62).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.