Termina hoje o prazo para agendar perícias do Pente Fino INSS

Quase 180 mil beneficiários que não realizavam perícias a mais de 2 anos foram convocados. Quem não realizar a perícia, terá o benefício cortado automaticamente.

0

Hoje, segunda-feira, dia 13 de agosto de 2018, termina o prazo máximo para o agendamento de perícia médica, para quase 180 mil beneficiários da Previdência Social. Este é o prazo para a última grande remessa de convocações do INSS para aqueles que estavam a mais de 2 anos sem realizar perícia.

Em números exatos essa última convocação abrange 178,9 mil beneficiários que são aposentados por invalidez e também aqueles que recebem o benefício auxílio-doença do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Deste total, 168.523 são aqueles que recebem aposentadoria por invalidez e o restante (10.412) são beneficiários do auxílio-doença.

Só estão sendo convocados, aqueles que estão a mais de 2 anos sem passar por perícia médica, ou que sejam maiores de 55 anos e recebam o benefício a pelo menos 15 anos.

O Pente Fino do INSS

O Pente Fino do INSS teve o seu início no ano de 2016, quando o governo federal identificou diversos casos de recebimento ilícito, gerando um rombo muito grande nas contas públicas. O pente-fino vem sendo dedicado para verificar através de exame pericial se o segurado continua sem condições de trabalho.

A convocação é feita através de uma carta para o endereço pessoal. Caso a pessoa esteja em um endereço diferente e que não esteja no sistema do governo, a mesma poderá conferir se foi convocada através das publicações feitas no Diário Oficial.

Caso não realize o agendamento da perícia, o cidadão terá o benefício suspenso. Se ainda sim não houver manifestação por parte do segurado, após dois meses o benefício será cancelado.

Como fazer para agendar a perícia médica do INSS?

É possível fazer o agendamento da perícia médica através do site:

Mas o mais indicado é realizar a marcação da perícia através da Central de Atendimento (Previdência Social), que pode ser feito através do telefone 135.

Depois de passar pela perícia, o resultado poderá ser acompanhado através do seguinte endereço:

Basta incluir o número do benefício, a data de nascimento, o nome do requerente, o CPF e incluir o código de segurança do site.

O que acontece com quem não marcar a perícia?

Quem não realizar o agendamento da perícia terá o benefício bloqueado automaticamente. Só será possível voltar a receber do INSS após a regularização da situação, desde que seja aprovado pelo médico perito, a continuar recebendo os valores do governo.

A partir do momento em que o benefício é suspenso, o cidadão terá 60 dias para realizar o agendamento de um novo exame. Se ainda neste prazo o INSS não for procurado, o benefício é automaticamente cessado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.